Category: Entrevistas

“Fugi e fiquei viva, minha filha enfrentou e morreu”

por Andrea Dip, da Agência Pública –  Em entrevista à Pública, Sônia Samudio narra a história de violência que marcou sua vida e a da filha, Eliza, vítima de feminicídio – um crime que mata uma mulher a cada 90 minutos no Brasil Quando dona Sônia entra na sala, minha garganta dá um nó. A semelhança entre ela e...

“É preciso declarar guerra ao desmate”

Por Claudio Angelo, do OC – Fórum Brasileiro de Mudanças Climáticas retoma atividades em março após anos na geladeira no governo Dilma; secretário-executivo defende repressão na Amazônia. Alfredo Sirkis nunca foi conhecido por estar do lado dos vencedores na história. Mas seu novo emprego é uma bucha até mesmo para alguém que participou da luta armada, fundou o Partido...

Economia de baixo carbono em Fernando de Noronha

Por Amália Safatle, de Recife para a Página 22 – Com apenas 3 mil habitantes ilhados (ou 4 mil, considerando a população flutuante), está formado um laboratório a céu aberto perfeito para prototipar a economia de baixo carbono. Mais perfeito ainda quando esse laboratório é tropical, abençoado por sol e vento em profusão. Fernando de Noronha pode até ser...

Pensar antes, produzir depois

Por Fernanda Macedo, da Página 22 – Um dos criadores do conceito da economia do berço ao berço, o químico alemão Michael Braungart, acredita que reduzir o impacto ambiental é muito pouco perto do que podemos fazer.   A inovação e o design na concepção dos produtos e serviços que criamos podem gerar impacto positivos e esse modelo tem...

Ricardo Abramovay comenta a desigualdade apontada pela Oxfam

Professor de Economia da FEA-USP, Ricardo Abramovay avalia o cenário mundial frente a esta acumulação de riqueza como negativo e com tendência a piorar por causa da revolução digital e inteligência artificial. Leia a reportagem sobre o relatório da Oxfam divulgado em 16 de janeiro em: https://goo.gl/pE5TPs. Confira a entrevista: Ricardo Abramovay Envolverde: O relatório da Oxfam fala da extrema...

Futuro das cidades está no protagonismo dos governos

Por Katherine Rivas, especial para a Envolverde –  As cidades precisam deixar de ser entes abandonados, fora de um concerto global de organizações, acordos e metas.  Precisam assumir um protagonismo global. Frente as múltiplas transformações urbanísticas na esfera global, especialistas avaliam que o futuro das cidades brasileiras nos próximos anos estará interligado ao diálogo com a natureza e ao protagonismo...

Carlos Rittl: O Brasil “ainda não tem plano, só uma meta”

Por Carolina de Barros e Alexandre Gonçalves Jr, direto de Marrakech, especial para a Envolverde e para o Projeto Cásper Líbero na COP 22 –  O Brasil assinou o Acordo de Paris e junto dele propôs metas para contribuir com a mitigação climática. Entre elas, está o fim do desmatamento ilegal e a redução de 43% de dióxido de...

Brice Lalonde se diz otimista com o Acordo de Paris

Por Gabriel Enrico e Marina Breanza, de Marrakesh –  Político de carreira e um dos nomes mais fortes e de reconhecimento internacional na área ambiental, Brice Lalonde, ex-ministro do Meio Ambiente da França, no período de 1990 a 1992, fundador do partido Geração Verde Ecogreen e coordenador executivo da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), participa da...

COP 22: Hanna Gunnarsson comenta questões de igualdade de gênero

Por Pedro Henrique Nascimento e Carolina Gouveia, de Marrakesh, especial para Envolverde e para o Projeto Cásper Líbero na COP22 –  Ativista sueca da WECF (Women in Europe for a Common Future), Hanna Gunnarsson está presente na COP22 que acontece em Marrakech, para apresentar projetos sociais relacionados às mudanças climáticas no stand da WGC (Women and Gender Constituency) instituição...

“Carvão não beneficia os pobres”

Por Simon Evans, do Carbon Brief – O papel do carvão na redução da pobreza é controverso. O recente estudo Beyond Coal (Além do Carvão) do Overseas Development Institute argumenta que há melhores opções disponíveis, ou seja, que tem sido dado muito crédito ao carvão pelo progresso do passado e que mais carvão vai consolidar a pobreza, não diminuir....